Síndrome da Gaiola

17/05/2021

No início de maio de 2021 foram retomadas as aulas presenciais para a educação infantil na rede pública de Belo Horizonte. Entretanto, com asincertezas que a pandemia traz, muitos pais ainda vivem o dilema da decisão de voltar ou não com os filhos para a escola. Após mais de um anode ensino domiciliar, especialistas alertam tanto os pais quanto os filhos para o risco do desenvolvimento da “Síndrome da Gaiola”, condição cada vez mais comum no mundo, que é quando a resistência em sair de casa ou deixar o outro sair passa a ser um sofrimento. É importante ressaltar que a escola é um local de desenvolvimento humano, social, cognitivo e emocional, mas que a decisão do retorno ou não às escolas é de cada família. O melhor remédio para o medo é a informação precisa, por isso vale avaliar os protocolos de segurança estabelecidos pela escola, conversar sobre as mudanças de rotina com os filhos e claro, avaliar as particularidades da família. 


Dra. Nívia Brant